IURD – 10/06/2021 – Quinta-feira

Pastor Ronaldo

Efésios 3:14

Propósito da cruz (Vai de acordo com o que está no bíblia)

Palavra => Gênesis 29:12

Labão tinha duas filhas cujo nome era: Lia e Raquel.

Lia era escolhida por Deus para Jacó. As características dela eram: Simplicidade, humildade, pacata.

Raquel não era a escolhida por Deus para ele. Diferente de Lia, as características dela eram: bonita, formosa, sensual.

Quando Jacó bateu os olhos em Raquel, ele se apaixonou e por ela trabalhou por 7 anos.

Lia não era feia, mas por tem primícias não expunha tanto a beleza como Raquel.

Jacó movido pelo que viu, escolheu Raquel. Deus não tinha nada a ver com as escolhas dele.

“Somos reféns de nossas escolhas”

Sempre colhemos o que plantamos.

Na vida amorosa é a mesma coisa. Por isso é importante conhecer a pessoas com quem você irá se casar.

Muitos extrapolam essa fase e já logo se une sem se conhecerem.

Jacó quando viu Raquel desprezou Lia.

=> Pesquisar sobre descendentes de Lia.

A bênção estava sobre Lia.

O homem tende a ser levado por aquilo que vê.

Raquel era formosa mas Lia tinha princípios de muita bondade.

Jacó estava tão apaixonado por Raquel, que ao invés dela ir buscar água para ele, ele que foi buscar água para ela. Ele movido pelo sentimento, mudou até os costumes da época.

Inteligência X Coração

Jacó escolheu Raquel usando apenas o critério da aparência mas Deus olha também o coração.

Pense: Porque Deus parou de falar com Adão? Porque desobedeceu.

Porque Davi caiu em pecado com Bate-seba? Porque não estava no lugar que tinha de estar.

Porque outros homens de Deus cairam? Porque tiveram más escolhas.

Escolhas ruins => resultados ruins.

Resultados ruins => sofrimentos.

Nem tudo o que acontece de ruim em nossa vida foi ou é causado por uma influência demoniaca. Às vezes somos nós mesmos que atraímos o sofrimento para nossa vida com escolhas ruins.

Ditado popular: “Costume da casa vai à praça”.

Nós somos frutos das nossas escolhas.

Jacó além de escolher errado, ainda desprezava Lia, que era a bênção de Deus para a vida dele

Detalhe: Lia mesmo sendo desprezada não desistiu. Ela se manteve firme.

Quando escolhemos guiados por aquilo que vemos, tendemos a sofrer. O povo de Deus tem que ser inteligente. Antes de decidir algo, tem que pensar, orar, observar a pessoa. Se Jacó tivesse pensado, teria visto que Lia era a melhor opção.

publicado
Categorizado como IURD

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *