IURD – 14/03/2021 – Domingo

Pastor Júnior

A bíblia faz uma referência aos anciões.

Qual a função de pessoa salva?
-> Adorar
-> Glorificação
-> Admirar
-> Engrandecer o nome

O Reino de Deus não tem dia e noite. Lá não existe noite.

Tem pessoas que reclamam da fé cristã:
-> Ler a bíblia
-> Orar
-> Jejuar

Mas porque?
-> Ela acredita que sua vida se tornou monotoma. Acha que tem que curtir, aproveitar a vida. Quando a pessoa compara a vida cristã com a vida do mundo, ela acha a vida cristã muito chata. Mas quando a pessoa entende o gostoso da vida cristã, as rotinas nào se tornam mais um fardo, mas algo que é feito com prazer e necessária.

O cristão que se casa e sai da igreja, vai para o mundo. Logo que ele sai, prostitui, briga, usa drogas entre outros.

Mas quando vem o vazio, ela lembra da rotina que lhe fazia bem. Porque isso acontece? Quando o cristão passa a se comparar com os outros. Não podemos desejar a vida do outro.

O diabo faz a pessoa ter a ilusão de que a vida do mundo é melhor do que a sua vida cristã.

Não podemos trocar nossa rotina por coisas futéis.

Muitos cristãos que se afastam, acabam sentindo falta.

O cristão nào deveria esperar recompensas mas mesmo sendo nossa obrigação, Deus é bom bastante para retribuir.

Estudo do Apocalipse

Tema: Apocalipse 4 – Os vinte e quatro anciãos (páginas 82 e 83)

Após descrever o Trono, João relata o que viu ao redor dele, começando pelos vinte e quatro anciãos:

Os vinte quatro anciàos prostavam-se diante do que estava sobre o trono, e adoravam o que vive para todo o sempre; e lançavam as suas coroas diante do trono, dizendo: Digno és, Senhor, de receber glória, e honra; porque Tu criaste todas as coisas, e por sua vontade são e foram criadas – Apocalipse 4.10-11

No capítulo 5, que ainda trata da visão do Trono, estes vinte e quatro anciàos:

(…) prostaram-se diante do Cordeiro, tendo todos eles harpas e salvas de outro cheias de incenso, que são as orações dos santos. E cantavam um novo cântico, dizendo: Digno és de tomar o livro, e de abrir os seus selos; porque foste morto, e com o Teu sangue nos compraste para Deus de toda a tribo, e língua, e povo, e nação, e para o nosso Deus nos fizeste reis e sacerdotes; e reinaremos sobre a Terra. Apocalipse 5.8-10.

Quem são os vinte e quatro anciãos?

Não são anjos, pois anjos nunca aparecem em tronos na bíblia, muito menos usando coroa. Além disso, em Apocalipse 7.11, os anciãos são diferenciados dos anjos. E no cântico que cantaram anteriormente, os anciãos falam sobre terem sido redimidos, algo que anjos nunca poderiam dizer o termo “anciãos” se refere a maturidade, enquanto os anjos são atemporais.

Esses anciãos representam os vencedores (os salvos) de antes e depois do sacrifício do Senhor Jesus. Note que eles se encaixam na descrição dos vencedores que o Senhor Jesus deu as sete igrejas.

-> O que vencer será vestido de vestes brancas (Apocalipse 3.5)

-> Se fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida (Apocalipse 2.10)

-> Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono (Apocalipse 3.21)

O número vinte e quatro é representativo da soma da Antiga e da Nova Aliança, as doze tribos de Israel e os doze apóstolos, pois o povo de Deus já foi chamado até Ele e recompensado. Essa visão de João indica que, antes da Grande Tribulação, a igreja (representada pelos anciãos) já está arrebatada e reunida ao redor do seu Senhor antes dos terríveis acontecimentos que virão sobre a Terra no final dos tempos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *